segunda-feira, 2 de março de 2015

Ciclista da Casa do Benfica de Almodôvar campeão de pista coberta

O ciclista Hélder Pereira, da Peçamodôvar/ Casa do Benfica de Almodôvar, sagrou-se este fim-de-semana, na Mealhada, campeão nacional de Masters 30 em pista coberta.
“É mais um grande feito para a equipa de ciclismo de Almodôvar, que com esta conquista consegue somar mais um importante titulo para o grande palmarés que já tem”, sublinha ao “CA” o director-desportivo da equipa, Henrique Revés.

Fonte: http://www.correioalentejo.com

Vasco da Gama passa em Serpa e continua líder

O Vasco da Gama da Vidigueira passou o duro teste que tinha este domingo, 1 de Março, na cidade de Serpa e continua na liderança do campeonato distrital da 1ª divisão.
Em jogo da 19ª jornada do “Distritalão”, os vidigueirenses venceram na casa do FC Serpa por uma bola a zero, somando agora 47 pontos, mais um que o FC Castrense, que goleou em casa o Aldenovense (5-0).
Nos restantes jogos da jornada, destaque para a derrota do Milfontes em Mértola, diante do Guadiana (3-2), e para o triunfo do Odemirense na casa do vizinho Sabóia (1-2).

1ª DIVISÃO DISTRITAL
JORNADA 19 – RESULTADOS

Sabóia 1 – Odemirense 2
Renascente São Teotónio 1 – Sp. Cuba 1
FC Castrense 5 – Aldenovense 0
Cabeça Gorda 2 – FC São Marcos 1
Guadiana 3 – Milfontes 2
Almodôvar 1 – Piense 1

CLASSIFICAÇÃO
1º - Vasco da Gama, 47 pontos
2º - FC Castrense, 46
3º - Milfontes, 37


Na Série H da fase de manutenção do Campeonato Nacional de Seniores, a terceira jornada foi pouco positiva para as equipas do Baixo Alentejo: o Mineiro Aljustrelense perdeu na deslocação ao reduto do Quarteirense (3-1), enquanto o Moura AC empatou na casa do At. Reguengos (0-0).
Na classificação, o Moura AC é quarto classificado com 16 pontos e o Mineiro Aljustrelense quinto com 15.
O líder é o Angrense, com 19 pontos.
Fonte:  http://www.correioalentejo.com/

Odemirense vence dérbi com Sabóia, Renascente empata e Milfontes perde

O Odemirense venceu este domingo, 1 de Março, em Santa Clara-a-Velha o dérbi diante do Sabóia, a contar para a 19ª jornada do campeonato distrital da 1ª divisão de Beja.
Num jogo bastante disputado, a formação de Nuno Luz acabou por ser superiorizar à equipa orientada por José Venâncio, vencendo por duas bolas a uma e aproximando-se do terceiro lugar… ocupado pelo Praia de Milfontes.
A equipa de Vila Nova de Milfontes voltou a claudicar longe do Campo Foz do Mira, perdendo em Méretola com o Guadiana (3-2).
Já o Renascente empatou em São Teotónio com o Sp. Cuba a uma bola.

1ª DIVISÃO DISTRITAL
JORNADA 19 – RESULTADOS

Sabóia 1 – Odemirense 2
Renascente São Teotónio 1 – Sp. Cuba 1
FC Castrense 5 – Aldenovense 0
Cabeça Gorda 2 – FC São Marcos 1
Guadiana 3 – Milfontes 2
Almodôvar 1 – Piense 1

CLASSIFICAÇÃO
1º - Vasco da Gama, 47 pontos
2º - FC Castrense, 46
3º - Milfontes, 37
4º - Odemirense, 35
---
8º - Renascente São Teotónio, 24
---
12º - Sabóia, 17
Fonte: http://www.jornalsudoeste.com/

Cláudia Lima (Feminina sub-19): Crescer na adversidade

No primeiro dia de trabalho das sub-19, com vista aos jogos de preparação diante da Áustria, a internacional portuguesa fez a antevisão dos próximos desafios.
Futebol Fem. - Sub-19
A Seleção Nacional feminina sub-19 já está no Algarve, onde ficará até ao próximo dia 5 de março, tendo em vista a preparação dos jogos diante da seleção austríaca.
Num espaço de apenas quatro dias, as duas formações irão defrontar-se por duas vezes (a 3 e a 5 de março), trazendo um desafio maior à Equipa das Quinas. "Sabemos que será um desafio grande porque vamos disputar dois jogos num curto espaço de tempo. Será cansativo, obviamente, mas é algo que não nos assusta. Temos noção que serão dois jogos que colocarão à prova as nossas capacidades, mas sabemos do nosso valor e estamos prontas para dar tudo em campo", começou por dizer Cláudia Lima.

Na condição de capitã da Seleção Nacional, a médio portuguesa assegura que as adversidades são o maior potenciador do valor do grupo. "É um adversário complicado, mas acredito que se nos mantivermos unidas, como tem acontecido até agora, conseguiremos dar seguimento aos nossos objetivos. Este grupo quer evoluir e só o vai conseguir fazer perante a adversidade, por isso queremos aproveitar esta oportunidade de jogar com a Áustria para potenciar as nossas qualidades."

Já a pensar no segundo torneio de apuramento para o Europeu, que arranca no próximo mês de abril, Cláudia Lima afirma que este tipo de estágios competitivos permitem que a equipa corrija pormenores. "A equipa está cada vez mais unida, há um entendimento maior entre todas, mas temos ainda muito para evoluir. Queremos aproveitar estes momentos para afinar certos pormenores e começar a traçar o nosso caminho para a qualificação para o Europeu. Sabemos que nos esperam adversários muito complicados nessa competição, mas se trabalharmos bem, se estudarmos bem os nossos adversários, se nos mantivermos fiéis à nossa forma de jogar, acredito que poderemos continuar a sonhar."

O primeiro jogo das sub-19 lusas diante da seleção da Áustria terá lugar esta terça-feira, pelas 15h00, no Estádio Algarve.

Fonte: FpF.PT

Algarve Cup: Aspirações reveladas na terça-feira

Os 12 treinadores das equipas participantes na 22.ª edição da Algarve Cup vão encontrar-se, esta terça-feira (3 de março), pelas 14h30, em Vilamoura.
Algarve Cup
A 22.ª edição da Algarve Cup está quase a arrancar.
Com a primeira jornada marcada para quarta-feira, os treinadores das 12 seleções participantes vão dar o pontapé-de-saída da competição, reunindo-se, em conferência de imprensa, esta terça-feira (3 de março), pelas 14h30, no Auditório do Fórum Dom Pedro, do Hotel Dom Pedro Golf, em Vilamoura, para revelarem as suas expetativas e ambições para a competição.
Os técnicos serão divididos pelos grupos nos quais as suas seleções estarão inseridas e estarão à disposição dos jornalistas para responder às questões colocadas.
Em ano de Campeonato do Mundo (a disputar no Canadá, entre 6 de julho e 5 de junho) e com nove dos finalistas do Mundial presentes (Alemanha, Brasil, China, Estados Unidos, França, Japão, Noruega, Suécia e Suíça), a Algarve Cup assume-se como um verdadeiro pré-estágio para a mais importante competição do futebol feminino.
A estreia do Brasil na prova e o novo troféu da Algarve Cup são elementos de interesse adicional para o torneio.
Fonte: FpF.pPt

Cláudia Neto (Feminina A): "Não somos os 'patinhos feios'"

Apesar da relativa pouca experiência da Seleção Nacional, a médio portuguesa garante que o grupo não se deixa dominar pelo espírito derrotista.
Futebol Fem. - Seleção A
Aproxima-se a estreia da Seleção Nacional feminina na 22.ª Algarve Cup. Pela frente, a Equipa das Quinas (42.ª classificada do ranking FIFA) terá as seleções da França (3.ª), Japão (4.ª) e Dinamarca (16.ª), naquela que será a edição mais competitiva de sempre para as cores lusas.
Analisando todos os adversários, Cláudia Neto confirma a ideia de um Mundial em casa e de uma oportunidade única de defrontar as melhores seleções com as melhores jogadoras. "Ainda não tivemos oportunidade de disputar um Mundial, por isso esta Algarve Cup acaba por ser o nosso próprio Mundial, como toda a gente diz. Vamos ter cá muitas das equipas que se apuraram para a fase final deste ano, vamos ter a oportunidade de as ver em ação, de jogar contra elas, e aqui está a principal novidade, e de sentir um pouco da pressão que se sente numa competição com a dimensão de uma fase final de um Europeu ou de um Mundial."

Mesmo tendo em conta a diferença de experiências e de posições entre as seleções nacionais que participam na prova e a Equipa das Quinas, a sub-capitã portuguesa recusa o título de 'outsiders'. "Não somos 'patinhos feios'. Somos uma equipa com qualidade e potencial para evoluir, por isso não vamos entregar o jogo de bandeja. Queremos aprender e espero que as coisas nos corram pelo melhor para que possamos sair de cá com uma experiência agradável, independentemente dos resultados. Admito que sejamos a equipa que mais tem a aprender com toda esta experiência, mas não nos vejo como 'patinhos feios'."

A revisão do modelo competitivo da Algarve Cup mereceu um destaque positivo nesta conversa e é apontada como fator extra de motivação para quem anseia lutar pelo título. "O facto de qualquer seleção poder chegar à final e disputar o título funciona como motivação extra para as equipas que participam e acredito que traz mais valor à prova. Este ano, qualquer seleção ambiciona chegar ao título. Nós, já traçámos o nosso principal objetivo: aprender e sair de cá com uma bagagem mais rica. Este será um desafio muito grande para todas as jogadoras que vão defrontar as melhores seleções, as melhores adversárias e, espero eu, num ambiente de grande competição."

A Seleção Nacional prossegue com os trabalhos de preparação com vista à estreia na Algarve Cup, agendada para as 18h00, desta quarta-feira, no Parchal diante da França.

A sessão de treino prevista para o Estádio Capitão Josino da Costa, em Lagoa, na tarde desta segunda-feira, decorrerá no Hotel Tivoli Carvoeiro.
Para consultar o Mapa de Internacionalizações da Seleção Nacional, clique aqui.


Confira o programa completo da Equipa das Quinas aqui (Dossiê de Imprensa).
Fonte: FpF.PT

Edite (Feminina A): "Como se fosse a primeira"

Uma lesão afastou-a da Seleção Nacional durante mais de um ano. Agora, Edite Fernandes quer recuperar o tempo 'perdido' e ajudar a Equipa das Quinas.
Futebol Fem. - Seleção A
Prestes a disputar a 14.ª Algarve Cup na conta pessoal, a capitã da Seleção Nacional fala numa prova especial que acrescenta sempre mais ao conhecimento das jogadoras portuguesas. "Todos os anos, a Algarve Cup traz coisas novas. Este ano temos um troféu novo, estamos num grupo diferente, onde as equipas poderão ter acesso à final, e muito mais competitivo. Todos os anos aprendemos alguma coisa, por isso é um gosto muito grande poder disputar mais uma prova e aproveitar o que ela nos dá. Estou pronta a disputar a Algarve Cup como se fosse a primeira vez, estou a regressar de uma lesão e vou ver como respondo em campo."
Ciente das dificuldades que as seleções adversárias colocarão, a capitã da seleção lusa fala numa prova de exigência máxima e num Mundial 'caseiro'. "O grupo deste ano é muito difícil, temos a terceira e quarta classificadas do ranking FIFA, além de uma seleção muito aguerrida, como a Dinamarca. Sabemos que não podemos esperar facilidades, mas estamos cá para colocar tudo em campo. Serão jogos que nos colocarão à prova, que exigirão muito de nós, mas que vão trazer-nos mais experiência. Queremos, sobretudo, progredir positivamente com estas seleções. Este torneio é muito querido para a nossa Seleção e esta edição será o nosso Mundial em casa. Como nunca chegamos a uma fase final de um Europeu ou de um Mundial, este será o nosso próprio Mundial."

A juventude e determinação da Equipa das Quinas são os fatores apontados pela avançada lusa como características que ajudarão a contrariar o poderio adversário. "Somos um grupo jovem, determinado, com vontade de dar o nosso melhor em todos os momentos. Vamos tentar contrariar os pontos fortes das nossas adversárias, mas sabemos que iremos defrontar seleções de um nível superior ao nosso. Queremos muito começar a jogar e só depois de estarmos em campo é que iremos saber como lidar com as dificuldades."

A Seleção Nacional regressa ao trabalho na manhã de segunda-feira, pelas 10h30, e já com o contributo de Rita Fontemanha e Fátima Pinto (juntar-se-ão ao grupo na noite deste domingo, devido a compromissos com os respetivos clubes). Laura Luís apenas integrará o grupo na tarde de segunda-feira (autorizada a chegar mais tarde por compromissos com o clube).

Para consultar o Mapa de Internacionalizações da Seleção Nacional, clique aqui.
Confira o programa completo da Equipa das Quinas aqui (Dossiê de Imprensa).
Fonte: FpF.PT

|CN Promoção| 1ª Fase - Série D - 18ª Jornada

18ª Jornada
CFF Estoril Praia 2-0 Guia FC
Paio Pires FC 3-0 Quintajense FC
GD Malveira Serra 1-7 ADCEO
EFF Setúbal 9-0 CO Montijo
FC Castrense 1-5 CF "Os Belenenses"
Descanso: CAC Pontinha

1º- Paio Pires FC, 43 pontos
2º- CF "Os Belenenses", 41 pontos
3º- CAC Pontinha, 39 pontos
4º- CFF Estoril Praia, 35 pontos
5º- EFF Setúbal, 29 pontos
6º- FC Castrense, 23 pontos
7º- Guia FC, 21 pontos
8º- ADCEO, 11 pontos
9º- Quintajense FC, 10 pontos
10º- GD Malveira Serra, 6 pontos
11º- CO Montijo, 0 pontos

CD Inatel| Taça Amizade - 5ª Jornada

CAMPEONATO DISTRITAL I. - BEJA - LogótipoGrupo A
GD Santa Luzia 2-0 CDC Cavaleiro
GEU Malavado 3-2 GDR Relíquias
Descanso: ACDR Longueira

1º- GDR Relíquias, 9 pontos
2º- GD Santa Luzia, 9 pontos
3º- GEU Malavado, 7 pontos
4º- ACDR Longueira, 3 pontos
5º- CDC Cavaleiro, 1 ponto

Grupo B
GDC Mombeja 1-2 GDCP São Matias
CCRD Santa Vitória 3-1 GD Jungeiros
Descanso: GDL Soneguense

1º- CCRD Santa Vitória, 10 pontos
2º- GDL Soneguense, 9 pontos
3º- GDCP São Matias, 6 pontos
4º- GDC Mombeja, 4 pontos
5º- GD Jungeiros, 0 pontos

Grupo C
CP Quintos 3-2 Rituais D' Aldeia CF
CD Sobral da Adiça 1-3 SLU Serpense

1º- SLU Serpense, 10 pontos
2º- Rituais D' Aldeia CF, 7 pontos
3º- CD Sobral da Adiça, 3 pontos
4º- CP Quintos, 3 pontos

Grupo D
GDC Sete 4-0 GDCR Alcariense
SA Almodovarense 2-2 FC Pereirense
Descanso: GD Garvão

1º- GDC Sete, 12 pontos
2º- GD Garvão, 5 pontos
3º- GDCR Alcariense, 5 pontos
4º- SA Almodovarense, 3 pontos
5º- FC Pereirense, 1 ponto

CD Inatel| 2ª Fase - 5ª Jornada

CAMPEONATO DISTRITAL I. - BEJA - LogótipoGrupo A
FC Albernoense 0-0 UAI VV Ficalho
ACD Santa Clara-a-Nova 0-5 CC Vale D' Oca
SJ Cercalense 0-2 Serrano FC

1º- Serrano FC, 10 pontos
2º- FC Albernoense, 10 pontos
3º- CC Vale D' Oca, 9 pontos
4º- UAI VV Ficalho, 8 pontos
5º- ACD Santa Clara-a-Nova, 3 pontos
6º- SJ Cercalense, 3 pontos

Grupo B
GD Povoense 0-2 GD Vale Figueira
Louredense FC 5-0 Sanjoanense FC
GDR Amoreiras-Gare 8-0 SC Figueirense

1º- Louredense FC, 12 pontos
2º- GD Vale Figueira, 12 pontos
3º- GDR Amoreiras-Gare, 10 pontos
4º- SC Figueirense, 6 pontos
5º- GD Povoense, 4 pontos
6º- Sanjoanense FC, 0 pontos